Veja: I am vintage baby.

HEY BABYS! Sim!! O blog está de volta e juro que vou postar sempre ♥ Trago dessa vez uma novidade, os famosos looks que o povo ama fazer, decidi postar os meus, pois quero compartilhar o que estou amando vestir. Me inspirei nas fotos vintages do tumblr e do We heart it pra me montar. Não fiquei com medo de abusar do jeans e de misturar com as listras azuis, que também combinam com o azul do jeans além de não largar o All Star. E pra fechar a bolsa com spikes.






To adorando usar jeans de todas as formas e me arriscar a cada dia nessa nova tendencia. To amando ♥

Saia: C&A
Camisa Jeans: Marisa
Brusinha: Marisa
Bolsa: Riachuelo

DYE: Suporte para chapéu.


"Comprei aquele chapéu que tanto queria, mas não sei aonde colocar e não quero que fique pegando poeira" Meu pensamento quando comprei meu tão amado chapéu floppy, já estava me arrependendo pois não tinha um lugar para guardar então, criei/fiz uma solução legal pra colocar o chapéu sem ocupar tanto espaço no guarda roupa sendo também econômico, não gastando tanto com materiais e usando o que temos em casa pra criar.

Vamos precisar de:
  • 2 pregadores
  • Um pedaço de fita de cetim (Você pode substituir a fita por barbante, linha ou qualquer objeto dobrável)
  • Um saco de tecido/plastico que caiba o chapéu 


1.Como o tamanho da fita que tinha em casa não era do tamanho certo para pendurar no cabide, tive que dar um nó para ficar do tamanho certo (primeira foto abaixo), você pode medir e deixar no tamanho que quiser, seja ele curto ou mais longo.
2. Amarre as pontas da sua fita no vão do pregador, bem firmes para que não se soltem.


E "voilá" está pronto seu suporte!!! 
Agora é só colocar o chapéu dentro do saco, de um modo que não amasse e nem fique marcas nele, encaixar o pregador em cada ponta do chapéu ou do saco, dependendo dos materiais não é necessário dobrar as pontas do saco, mas no meu caso o tecido é muito fino e escorrega no pregador, então dobrar fica a gosto de cada um. Agora é só pendurar no cabide e ficar relax, que não vai pegar poeira e nem estragar com o passar do tempo.


Foto final do chapéu pendurado no cabide todo lindinho ♥


Espero que tenham gostado desse DYE, pretendo fazer muitos post's assim por aqui. Se ficou meio confuso as explicações, posso fazer um vídeo explicando tudinho, as vezes simplifica pra todos! Se fizerem o DYE, postem com a hashtag #dyedosvinte, que ficarei muito feliz em ver cada obra prima de vocês. 
É isso galerê 3bjks♥

#Playlist: 7 musicas do Caetano.


Hey babys! Um ano novo está por vir e pra chegar animado e cheio de amor, eu trago pra vocês 7 musicas do Caetano Veloso que não saem da minha playlist e que não pode faltar na sua.
Sou uma pessoa que cresci com muitas influencias da musica brasileira, ouvi desde Caetano á Timbalada, meu pai como um bom baiano trás essa musicalidade dentro de si, me passou ela com todas as forças e eu, que não sou boba nem nada internalizei todo o axé e as influencias pra toda a vida. Bora ouvir essas musicas e ser feliz!

1. Alegria, Alegria.
"Ela nem sabe até pensei/ Em cantar na televisão/ O sol é tão bonito/ Eu vou/ Sem lenço, sem documento/ Nada no bolso ou nas mãos/ Eu quero seguir vivendo, amor/ Eu vou/ Por que não, por que não..."


2. Não Enche.
"Me larga, não enche/ Você não entende nada e eu não vou te fazer entender/ Me encara de frente/ É que você nunca quis ver, não vai querer, não quer ver/ Meu lado, meu jeito/ O que eu herdei de minha gente e nunca posso perder/ Me larga, não enche/ Me deixa viver, me deixa viver, me deixa viver, me deixa viver."



3. A Luz de Tieta.
"Toda a noite é a mesma noite/ A vida é tão estreita/ Nada de novo ao luar/ Todo mundo quer saber/ Com quem você se deita/ Nada pode prosperar."


4.Você Não Entende Nada
"Quando eu chego em casa nada me consola/ Você está sempre aflita/ Com lágrimas nos olhos de cortar cebola/ Você é tão bonita/ Você traz a coca-cola, eu tomo/ Você bota a mesa, eu como/ Eu como, eu como, eu como, eu como/ Você/ Não tá entendendo quase nada do que eu digo/ Eu quero é ir-me embora/ Eu quero dar o fora/ E quero que você venha comigo."



5. Odeio
"Veio e não veio quem eu desejaria/ Se dependesse de mim/ São paulo em cheio nas luzes da Bahia/ Tudo de bom e ruim/ Era o fim, é o fim, mas o fim é demais também"


6.  A Bossa Nova é Foda.
"A bossa nova é foda/ Deu ao poeta, velho profeta/ A chave da casa/ De munição."


7. Um Abraçaço
"Um amasso, um beijaço/ Meu olhar de palhaço/ Seu orgulho tão sério/ Um grande estardalhaço/ Pro meu velho cansaço."

Espero que tenham gostado dessa lista, digo logo que eu amo listas e logo mais virá muitas por ai! Se faltou alguma musica do Caê, podem deixar aqui nos comentários que quando sair a parte dois ela estará na seleção. 3bjs♥


"Quem é você, Alasca?" John Green



"...se as pessoas fossem chuva, eu seria garoa e ela, um furacão."
"Miles Helter é um adolescente fissurado por célebres ultimas palavras - e está cansado de sua vidinha segura e sem graça em casa.Vai para uma nova escola à procura daquilo que o poeta François Rebelais, quando estava a beira da morte, chamou de "Grande Talvez". Muita coisa o aguarda em Culver Creek, inclusive Alasca Young. Inteligente, espirituosa, problemática e extremamente sensual, Alasca levará Miles para o seu labirinto e o catapultará em direção ao "Grande Talvez"."

Miles ao entrar na nova escola se depara com um novo mundo a ser descoberto, drogas, bebidas, sexo, e a unica regra entres os alunos é "Nunca dedure!!". Nessas descobertas ele faz amizade com o Coronel, seu amigo de quarto que o apresenta para a Alasca, onde junto com Miles vão construindo uma relação muito forte ao longo da historia, assim eles acabam dividindo as suas ultimas palavras. O ruim de falar muito sobre o enredo da historia é que pode acabar em spoiler e isso não é legal, pois muita gente não gosta.
O livro é dividido em duas partes, o Antes e o Depois e essa divisão faz toda a diferença para o curso que a historia tem no final, esse é um dos poucos livros nos quais me causou muitas sensações que não consegui explicar a sua existência, de felicidade e tristeza. 


O livro tem uma narrativa tranquila e constante, podemos seguir lendo a tarde inteira que não iremos nos sentir cansados. Como disse ele é dividido em duas partes onde facilita a compreensão dos fatos ocorridos e dá um outro sentido pra historia. "Quem é você, Alasca?" acabou se tornando um dos meus livros preferidos do John Green, super me identifiquei em algumas partes da historia e já está na estante em um lugar especial.
Espero que gostem dessa resenha simples de um livro tão maravilhoso que logo mais vai virar filme. Se quiserem podem compartilhar comigo como foi a leitura livro, o que acharam e essas coisas! É isso 3bjks♥

Inspiração: decorando o cantinho.


Hey babys! O blog está de volta!!!!!! Já faz um tempo que quero mudar meu quarto e com esse tempo que eu dei aqui e na vida, decidi mudar tudo nele. Como divido com a minha irmã e nossos gostos são diferentes fizemos um misto do que nós gostamos e chegamos a esse consenso (das fotos abaixo), tivemos a ideia de fazer algo simples, que gastaríamos bem pouco e que fique bonito e singelo. Segue abaixo as ideias.



As inspirações foram os famosos quartos "tumblr", deles retirei as inspirações das fotos é prioridade conter os posters, quadros e o querido/amado pisca-pisca (pode roubar aquele da arvore de natal). Espero conseguir deixar ele arrumadinho pra finalmente gravar algumas coisas que tenho em mente, e voltar com tudo pro blog! Irei fazer um post por semana ou quando conseguir mudar drasticamente ele ou se tiver algo de legal pra compartilhar aqui. Espero que tenham gostado e fiquem atentos que o blog está voltando com muita coisa boa!